Portal do MS - Sua fonte de notícias de Mato Grosso do Sul

Quarta-feira, 10 de Agosto de 2022

Notícias/Economia

Parcela do 13º será liberada na segunda-feira (25) para mais de 317 mil sul-mato-grossenses

MS recebe quase R$ 260 milhões com primeira parte do adiantamento de valores.

Parcela do 13º será liberada na segunda-feira (25) para mais de 317 mil sul-mato-grossenses
Ilustração
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Após o feriado prolongado, já na próxima segunda-feira (25) começa o pagamento da primeira parcela do 13.º do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), para 31,6 milhões de segurados, sendo que esse dinheiro será depositado em conto acrescido do benefício mensal.  Essa primeira parcela será destinada para 317.299 sul-mato-grossenses, com um total de R$ 259.918.686,93 (duzentos e cinquenta e nove milhões, novecentos e dezoito mil, seiscentos e oitenta e seis reais e noventa e três centavos)

Segundo presidente do INSS, Guilherme Serrano, mais de 56 bilhões de reais serão injetados na economia brasileira com essa manobra, sendo 28,3 bilhões dessa primeira parcela do 13º, e outros 28,3 bilhões referentes à segunda. Essa, será paga na competência de maio, recebida entre o final do próximo mês e começo de junho.

Ainda, essa antecipação do 13.º pode ser conferida no extrato do Meu INSS (aplicativo para IPhone, aparelhos Android e portal gov.br/meuinss).

Importante ressaltar que os primeiros a receber o benefício são os trabalhadores que recebem um salário mínimo, sendo que os que recebem acima desse valor terão acesso ao dinheiro somente no mês de maio. Ainda, beneficiários Benefício de Prestação Continuada (BPC-LOAS), segundo o INSS "não fazem jus ao recebimento de 13º salário".

"Você cidadão que aguardava a antecipação do 13.º salário, saiba que agora, a partir de 25 de abril o INSS inicia os pagamentos dessa parcela. Aposentado e pensionista, confira a antecipação do seu décimo terceiro no seu extrato nas plataformas do 'Meu INSS'", finaliza o presidente.

FONTE/CRÉDITOS: Correio do Estado
Comentários:

Veja também

Seja bem vindo!