Portal do MS - Sua fonte de notícias de Mato Grosso do Sul

Quarta-feira, 17 de Agosto de 2022

Notícias/Mato Grosso do Sul

Polícia Militar Ambiental inicia amanhã Operação Semana Santa com 300 Policiais

A PMA intensificou na semana passada a fiscalização nos rios, especialmente no fim de semana, porque também percebeu aumento significativo de pescadores nos rios.

Polícia Militar Ambiental inicia amanhã Operação Semana Santa com 300 Policiais
Divulgação
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O Batalhão de Polícia Militar Ambiental inicia amanhã, (12) às 12h00, a operação Semana Santa. Rotineiramente, o Comando da Polícia Militar Ambiental sempre reforça a fiscalização nos rios em datas próximas à Semana Santa, em virtude da tradição religiosa de se consumir peixe e, então, muitos pescadores praticam pesca nos finais de semanas anteriores.
 
A PMA intensificou na semana passada a fiscalização nos rios, especialmente no fim de semana, porque também percebeu aumento significativo de pescadores nos rios. Cinco pescadores foram presos ou autuados administrativamente por pesca ilegal só no fim de semana. Agora no feriado prolongado da Semana Santa, a quantidade de pescadores tende a aumentar significativamente, tanto de turistas de fora e também do Estado nos rios e a fiscalização precisa estar presente no intuito de se prevenir a pesca predatória, especialmente, onde estiverem concentrados os principais cardumes.
 
Serão utilizados 300 Policiais até o término da operação no dia 18 (segunda-feira), às 8h00. De qualquer forma, não só nos rios, mas também haverá fiscalização a todas as atividades que de alguma forma trabalhe com recursos pesqueiros nativos. O início da operação já amanhã (terça-feira) visa a colocar os Policiais a campo para orientações sobre as normas, mas principalmente para que a presença ostensiva, venha a dissuadir pessoas que tivessem intensão de praticar crimes ambientais, mormente a pesca predatória. A ideia é reduzir os números de autuados por crimes e infrações no ano passado, que foi de 43 pessoas, sendo 19 por pesca ilegal.

FONTE/CRÉDITOS: Diário MS
Comentários:

Veja também

Seja bem vindo!