Portal do MS - Sua fonte de notícias de Mato Grosso do Sul

Quarta-feira, 17 de Agosto de 2022

Notícias/Geral

RG digital: documento já está valendo e será obrigatório, veja como tirar o seu

O documento que ganhou o apelido de RG digital, segundo o modelo divulgado pelo Governo Federal, terá um número único válido em todo o país.

RG digital: documento já está valendo e será obrigatório, veja como tirar o seu
Divulgação
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Se comparado ao antigo RG, ainda utilizado pela maioria dos brasileiros, a nova Carteira de Identidade oferecerá algumas vantagens ao cidadão. Confira mais informações sobre a novidade abaixo.

O documento que ganhou o apelido de RG digital, segundo o modelo divulgado pelo Governo Federal, terá um número único válido em todo o país e um código QR para autenticação.

Como veremos a seguir, quem ainda possui a versão antiga do documento poderá solicitar uma nova via em um dos pontos de emissão nos estados onde o novo modelo está disponível.

O que muda com o RG digital?
A identidade em formato digital poderá ter a sua autenticidade checada em tempo real usando o código QR, por exemplo. Será possível incluir ainda informações de outros documentos em um só, como CPF; Título de eleitor; Carteira de trabalho; Carteira de motorista; Carteira nacional de saúde; Números do NIS/PIS/Pasep; entre outros.

Uma diferença notável, é que ainda é possível emitir o RG tradicional em outro estado com uma numeração diferente, ou seja, na prática, é possível ter até 27 documentos de identidade diferentes no Brasil (considerando que é possível solicitar uma via por estado).

Dessa forma, acaba ficando mais fácil para golpistas, por exemplo, obterem documentos diferentes. Uma prática que será barrada com o novo RG.

A ideia é o documento sirva até em viagens, já que contará com o mesmo padrão internacional usado na emissão de passaportes.

Dentre as suas principais vantagens, estão: ter a identidade no celular e dados de diversos documentos no mesmo lugar; em caso de perda ou roubo, também é possível acessar a identidade no gov.br pela internet.

FONTE/CRÉDITOS: Olhardigital
Comentários:

Veja também

Seja bem vindo!